Arquivo do blog

Compartilhe

13 de jun de 2011

Diário do ar

Alô, profissionais e estudantes de Jornalismo (ou mesmo apaixonados por leitura em geral). Se ainda não adquiriram seus exemplares do livro Diário de bordo do JN no ar, de Ernesto Paglia, estão perdendo tempo. Obra recém publicada pela editora Globo, mostra bastidores impressionantes de reportagens produzidas para o Jornal Nacional.

Ernesto Paglia exibe livro de sua autoria (foto: divulgação)

De acordo com informações contidas na sinopse do livro, “foram anos de planejamento cerrado e vontade obstinada para que a equipe de jornalismo da TV Globo ousasse executar um dos mais complexos projetos de cobertura das eleições no Brasil: o JN no ar. A bordo de um avião, e sob a liderança de Ernesto Paglia, um grupo de oito profissionais percorreu, em quarenta dias, o país do Oiapoque ao Chuí mapeando os desejos, as queixas e os projetos dos brasileiros. O formato inovador da cobertura, verdadeiro exemplo de ação interativa, aliou o critério de visitas surpresas (cidades escolhidas por sorteio) com os modernos meios de informação, facultando aos telespectadores intervir, através do blog e do site do JN no ar, sugerindo temas ou levando a equipe a mudanças de planos”. Um livro que traz a adrenalina pura da apuração jornalística, com imagens às vezes perturbadoras. “Uma aula de jornalismo límpido e comprometido, uma radiografia e um alerta. Acima de tudo, nos faz pensar com urgência sobre nosso destino comum”, diz a sinopse do livro, com a qual concordo.

Percebi uma semelhança de diagramação deste com o livro “A fantástica volta ao mundo”, no qual o também jornalista global Zeca Camargo narra bastidores da produção de um quadro para o programa Fantástico. A disposição dos textos nas páginas, as imagens que abrem cada novo capítulo e a escolha pelo miolo em preto e branco são características presentes nas duas obras. Imagino que seja padronização da editora.

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget