Arquivo do blog

Compartilhe

21 de nov de 2012

Giro policial


Notas que apurei para a edição desta terça-feira (21) do jornal Agora. 


Assalto no Centro
Um assalto à mão armada movimentou a polícia, ontem à tarde, na avenida 1º de Junho, região central. Dois homens em uma moto seguiam pela rua Rio de Janeiro quando, no cruzamento, abordaram uma mulher e anunciaram o assalto. Armado com um revólver, o ocupante da garupa mandou que a vítima entregasse a bolsa. Eles fugiram sentido à MG-050. Ainda não se sabe o valor roubado da vítima e se ela havia sacado dinheiro em algum banco. A polícia fez rastreamento, mas, até as 19h, não havia encontrado os suspeitos. (Sucesso FM)
Carro atacado
Um automóvel Fiat Uno foi atacado por ladrões durante a manhã de ontem, na rua Oeste de Minas, região central. O proprietário, de 25 anos, disse que estacionou por volta das 9h50. Quando voltou, às 10h, percebeu que o veículo estava arrombado e que havia sido levado um aparelho de som. Não há suspeito. (Ricardo Welbert)
Garagem arrombada
Uma caminhonete GM Corsa ST, ano 99, de cor prata, com placa GYA-2965, de Divinópolis, desapareceu da garagem de um imóvel na rua Marcílio João da Costa, na região de Ermida. O proprietário, de 25 anos, disse que saiu de casa por volta das 7h e deixou o veículo na garagem. Quando voltou, encontrou a entrada arrombada e percebeu o sumiço do veículo. A casa também foi invadida. Os ladrões levaram uma caixa de som com dois alto-falantes e uma potência. O crime foi registrado pela polícia, mas ninguém foi preso. (RW)
Equipamento levado
Um monitor de computador Samsung, de cor preta e tela LCD, foi furtado em uma serralheria na rua Cruzeiro, bairro Manoel Valinhas, durante a madrugada de ontem. O proprietário, de 35 anos, disse que o equipamento estava ligado a um CPU, que não foi levado. Não há suspeito. (RW)
Restaurante invadido
O bar e restaurante Green House, na rua São Paulo, região central, foi novamente atacado por ladrões. Na madrugada de ontem, o proprietário foi informado de que o alarme estava disparado e seguiu para o local, onde encontrou a grade do portão danificada, a sirene de segurança arrancada e objetos jogados no chão. Aparentemente, nada foi levado. Ninguém foi preso. (RW)
Lanternagem invadida
Durante a madrugada de ontem, a Polícia Militar prendeu três homens, suspeitos de furtarem vários objetos em uma oficina de lanternagem na rua Bahia, região central. Ângelo José da Cruz, de 23 anos, Cleber de Oliveira, de 31, e Reinaldo Lúcio Rodrigues, 32, foram vistos carregando dois sacos plásticos com um aparelho GPS (avaliado em R$ 400); uma chave de carro; um modulador de som MP3; um aparelho de retífica com acessórios e maleta; uma faca e um canivete; um frasco de perfume; um cadeado com duas chaves; um aerógrafo com maleta; uma lixadeira; uma furadeira; uma calculadora; um escapamento de moto; duas máquinas politriz; dois potes de cera automotiva e 23 rolos de fita. Policiais militares estiveram na empresa de pinturas automotivas e encontraram o portão bastante danificado. A parte interna do estabelecimento estava revirada. O proprietário, de 35 anos, esteve no local e reconheceu os objetos, que juntos foram avaliados em cerca de R$ 5 mil. De acordo com o dono, o suspeito Ângelo José da Cruz havia trabalhado no local e sabia onde os objetos ficavam guardados. Os materiais foram apreendidos e a vítima, orientada. (RW)
Alimentos furtados
A Vila Vicentina, abrigo para idosos que funciona na rua Ferro, no bairro Niterói, voltou a ser atacada por ladrões durante a madrugada de ontem. Uma responsável pelo local disse que alguém furtou mantimentos da cozinha e carne que estava em uma geladeira. De acordo com ela, estes crimes ocorrem com frequência. Já foram furtados materiais de limpeza, facas, aparelho de micro-ondas e até um relógio de parede. A polícia ainda não tem suspeitos do crime. (RW)
Tentou furtar
Um homem de 22 anos foi preso durante a madrugada de ontem, suspeito de tentar furtar uma loja na avenida Sete de Setembro, no bairro Santa Clara. De acordo com a Polícia Militar, Kenedy Diego Pinheiro da Costa, morador do bairro São Simão, foi visto com uma barra de ferro, tentando arrombar dois cadeados da porta do estabelecimento. Ele foi capturado a três quarteirões do local, com os dois cadeados e a barra. Como o dono da loja não foi encontrado, o homem que chamou a polícia ficou responsável pelo estabelecimento até que o dia amanhecesse. (RW)
Foragido da justiça
Um homem de 60 anos, policial militar de primeira classe, foi preso ontem à tarde em Divinópolis. Ele era procurado pela justiça e foi encontrado na casa de parentes no bairro Moscou. Mais tarde, quando já estava sendo ouvido na delegacia, a Polícia Militar recebeu denúncias de que havia duas armas escondidas na casa dele. No local, foram encontrados dois revólveres com capacidade para cinco munições, ainda 15 cartuchos intactos de munição calibre ponto 38 e outras seis de calibre ponto 28. Em outra casa do suspeito, no bairro Vale do Sol, foi encontrada uma espingarda de calibre ponto 28, com capacidade para uma munição. O militar confirmou ser o dono das armas. (RW)
Foragido e inabilitado
Um homem foi preso durante uma abordagem policial na rua Alameda Rio Araguaia, no bairro Tietê, durante a madrugada de ontem. Daniel Araújo Cunha, de 31 anos, pilotava uma moto Honda/CG 125 sem documentos de porte obrigatório. Além disso, o homem que estava na garupa não usava capacete. Quando a polícia levantou as primeiras informações sobre Daniel, descobriu que ele era considerado foragido da justiça. Por isso, ele foi levado para a delegacia. (RW)
Giro policial publicado no jornal Agora de hoje

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget