Arquivo do blog

Compartilhe

2 de ago de 2009

Rita Lee salvou Wanessa

O novo CD da Wanessa (Camargo) é algo para se ouvir hoje e jogar fora amanhã. Nem a presença de Rita Lee em uma das faixas (a sua execelente Coisas da vida) salva a bolachinha de um destino trágico: o esquecimento. É duro crer que a Rainha do Rock Brasileiro tenha aceitado participar da constrangedora empreitada. Mas, depois de ter dividido o microfone com Pitty e dito que ela é algo como "ótima", nada mais me surpreende quando a Wanessa. O problema, imagino, é que se a Rita se recusasse a participar - e deve ter faturado uma bela grana nisso - a Wanessa e o pai dela iriam aos jornais dizer que ela está ficando metida e isso viraria uma baita polêmica... É a treva!

2 comentários:

Marina disse...

Of corse. Ia dar uma baita de uma polêmica se a Rita Lee não desse uma mãosinha no cd da garota. Mas confeso que não ouvi ainda. Quero ver só para matar a curiosidade agora.rs
Beijo

Laguardia disse...

Oração Pela Pátria
Leia Mateus 4: 1-10 .... Levou-o ainda o diabo a um monte muito alto, mostrou-lhe todos os reinos do mundo e a glória dele e lhe disse: Tudo isto te darei se, prostrado, me adorares. Então, Jesus lhe ordenou: Retira-te, Satanás, porque está escrito: Ao Senhor, teu Deus, adorarás, e só a ele darás culto.
Jesus Cristo, o Messias, filho único de Deus foi tentado para que abrisse mão de sua missão de salvar o mundo da morte e do pecado em troca de poder, de domínio sobre a terra, em troca de um reino terreno onde teria as todas as riquezas materiais que o mundo podem oferecer.
Hoje também somos tentados desta mesma forma. Somos tentados a abrir mãos de nossos princípios éticos e cristãos em troca de alguma vantagem que nos enchem a vista. O maligno toca sempre no ponto fraco do ser humano, a ganância, a sede de poder.
Temos visto isto com muita clareza ultimamente em nosso país.
Quem já não ouviu falar da lei de Gerson - “O Brasileiro gosta de levar vantagem em tudo”?
Nossos governantes têm se aplicado, e bem, em fazer valer esta lei de Gerson. Todos os dias ao abrirmos os jornais e ouvirmos ou vermos os noticiários nos deparamos com alguém se utilizando indevidamente de recursos públicos em benefício próprio.
Já chegamos ao ponto de achar que tudo isto é natural. Afinal de contas todo o político é desonesto, ou apelamos para a máxima “rouba mas faz”.
Felizmente Cristo resistiu a esta mesma tentação e pagou por nossos pecados na Cruz.
Muitos dirão – Mas Ele é Deus, por isto tem forças para resistir.
Não nos esqueçamos do que Paulo disse em I Coríntios 11: 1 – Sede meus imitadores como eu sou de Cristo.
Resistamos, pois a estas tentações, e vamos exigir de nossos governantes um comportamento honesto, ético e moral. Eles foram colocados lá para servir ao povo e não para usarem de seus cargos em benefício próprio.
Vamos repudiar claramente em nossas palavras e ações as atitudes que são contrárias aos ensinamentos do Mestre. Vamos repudiar a noção que Lula quer repassar que os cidadão que têm “biografia” devem ser tratados de modo diferente dos demais. Afinal de contas nossa Constituição diz que todos somos iguais perante a lei.
Rogo a todos os irmãos que instituam em suas igrejas e em seus cultos domésticos, entre as semanas de 30 de agosto a 12 de setembro, uma jornada de orações pela Pátria Brasileira. Uma jornada de orações pelos nossos governantes, para que Deus lhes toque o coração e os transforme para que trabalhem não em prol de si mesmos, mas em prol do tão necessitado povo brasileiro que os elegeu para servir ao povo.
Este é o desafio que quero deixar com cada um dos irmãos.

Ocorreu um erro neste gadget