Arquivo do blog

Compartilhe

29 de ago de 2011

Segurança nas mídias sociais

Enquanto a popularidade de muitos políticos brasileiros cai vertiginosamente, a das mídias sociais cresce diariamente. Muitas pessoas e empresas utilizam estes sites de relacionamentos para promover seus produtos, propor soluções e aproximar clientes. Para tanto, é preciso saber usar corretamente as ferramentas existentes para não ser vítima de ataques criminosos que podem destruir sua imagem e reputação, além de gerar prejuízos financeiros. Segundo o relatório de ameaças à segurança na internet divulgado recentemente pela Symantec, cibercriminosos utilizam ferramentas de atualização de notícias fornecidas por sites de redes sociais populares para roubar senhas e disparar ataques em massa. O estudo identificou ainda que em 2010, 65% dos links maliciosos em feeds de notícias observados usaram URLs encurtados. Destes, 73% foram clicados 11 vezes ou mais.

Neste cenário, seguir algumas dicas de especialistas pode ser muito importante. "Quando você é muito presente nas mídias sociais, é possível que alguém tente descobrir sua senha para fazer alterações maldosas em sua página. Quando você usa uma chave fácil de ser descoberta, está se expondo ao risco de ser vítima de um pirata virtual", diz André Rabelo, professor de Comunicação e Tecnologia na Fundação Educacional de Divinópolis (Funedi).

Giovanni Pereira: "todo cuidado é pouco"
A dica é seguida pelo assessor de comunicação da prefeitura de Pitangui, no Centro Oeste de Minas, Giovanni Pereira. "Tenho procurado seguir dicas de especialistas. Em primeiro lugar, não utilizar o óbvio, como datas de aniversários e nomes de familiares. Quando é muito óbvio, uma pessoa interessada em descobrir sua senha pode conseguir acessar seus dados pessoais. Misturar números, letras e caracteres especiais também dificulta bastante o trabalho do invasor. Todo cuidado é pouco na internet", explica. 

O Olhar Digital, site de notícias sobre sobre tecnologia, alerta para os links recebidos pelas mídias sociais. Antes de clicar para ver do que se trata, leia o link. Ele pode conter informações que denunciam o perigo de baixar um vírus. 

•    Verifique o endereço do site de relacionamentos e confira se o certificado de segurança não é suspeito, certificando-se de que você faz o login em serviços legítimos. Procure por "https" na barra de endereços do navegador, no lugar do "http".

•    Pense duas vezes antes de fornecer sua data de nascimento real ou outras informações confidenciais às redes sociais. Mesmo algumas informações que possam parecer inocentes, como nomes dos animais de estimação ou a rua em que você cresceu, podem ser usadas por criminosos inteligentes em ataques mais convincentes. 

•    Verifique regularmente as configurações de privacidade para ter certeza de que sua conta e informações estão seguras  com as regras originalmente selecionadas por você. 

•    Não responda "sim" quando for solicitado a gravar sua senha no computador. Em vez disso, use uma senha forte gravada na memória ou armazenada em um programa de gerenciamento de senhas seguras.

•    Não aceite solicitações para ser "amigo" ou "seguidor" de indivíduos que não conheça. 

•    Muito cuidado ao clicar em links presentes em mensagens; mesmo que de um "amigo" conhecido. É um método comum utilizado por invasores. Eles se passam por amigos e enviam mensagens perguntando algo como: "É você neste vídeo engraçado?"; quando na verdade não há vídeo algum. O  usuário que tenta abrir o arquivo do "vídeo" é infectado por um malware.

•    Nunca divulgue nas redes sociais mensagens que indiquem sua localização, especialmente se você estiver longe de casa. Também é desaconselhável publicar mensagens indicando que você estará longe de casa em uma data ou período específico, por exemplo, quando estiver de férias. 

•    Relate qualquer atividade suspeita ou potencialmente maliciosa aos administradores do site de relacionamento.

Sendo assim, é preciso pensar e estar atento ao mercado, de forma a saber como agir na rede, antes de criar páginas nos sites de relacionamento. Apesar de todos os benefícios, quando não utilizadas com cautela as mídias sociais podem trazer preocupações para as organizações. As companhias precisam considerar o que pode ser divulgado, estabelecer políticas, ter ferramentas de controle para captação dos dados veiculados e educar os funcionários sobre a postura no ambiente virtual. Assim, poderão compartilhar com clientes e outros públicos suas novidades com mais interatividade e dinamismo.


Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget